26 de jun de 2011

Bolo de chocolate para todas as dietas - low carb, gluten free, dairy free

Aqui está um bolo sem glúten, sem lactose, baixo em hidratos de carbono e super delicioso. Tão, tão delicioso que o meu irmão quase o comeu todo e quando lhe perguntei:

_ Então, João, gostaste do bolinho?!

_ Epá estava mesmo bom. Mas foste tu que fizeste? Pensei que tivesse sido a mãe. É que era mesmo bom!

Sim, é muito querido o meu irmãozinho! :F O que ele quis dizer é que o bolo é tão bom que quase parecia um bolo "normal". Sim, mas tem metade das calorias, metade dos hidratos de carbono, o dobro da proteína e não tem farinha! Mais uma receita que experimentei e vai ficar! E agora o truque:

_ Mas sabes o que é que ele tem de especial?

_ Ahmmm...claras em castelo? Está tão fofinho.

_ Não, bebé. Feijão! Feijão preto!


Adoro fazer estas coisas. Dizer o ingrediente especial (esquisito, por norma) depois das pessoas se deliciarem com as minhas receitas aldrabadas!


Rende
: 8 fatias médias
Informação nutricional: 200 kcal, 7 g de net carbs, 8 g proteína, 14 g gordura, 2 g fibra

Ingredientes
:
  • 6 colheres de sopa de óleo de côco (é o ideal. Mas se não tiverem ponham margarina)
  • 5 ovos grandes
  • 2 claras
  • 6 colheres de sopa de cacau magro em pó
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • xylitol a gosto (ou outro adoçante bom para ir ao forno)
  • 1 scoop de proteína de chocolate (opcional)
  • 1 chávena de feijão preto cozido (usei de conserva)
  • 1 colher de chá de fermento
  • meia colher de chá de bicarbonato de sódio
  • meia colher de chá de essência de baunilha
  • raspas de chocolate para decorar
Procedimento:
  • Aquecer o forno nos 180ºC.
  • Separar as gemas das claras. Bater as claras em castelo. Juntar o açúcar e bater mais até ficarem bem firmes.
  • Numa processadora (usei a Bimby) colocar o feijão e as gemas. Triturar (usei a velocidade 7, 2 minutos)
  • Numa taça, juntar a essa mistura de feijão e gemas o cacau, a essência de baunilha, a proteína e o adoçante. Mexer bem.
  • Aquecer o óleo de côco no microondas (ou a margarina) até ficar líquido (um minuto basta). Adicionar e mexer bem.
  • Juntar o fermento e o bicarbonato de sódio e mexer.
  • Envolver as claras sem mexer demasiado.
  • Untar uma forma e verter o preparado. Salpicar com as raspas de chocolate.
  • Vai ao forno uns 40 minutos. Ou façam a prova do palito (eu nunca contabilizo muito bem o tempo).
Fica muito fofinho. E passados uns dias continua fofo. Este não chegou ao dia seguinte porque houve uma pessoa que lhe deu a palmada! ;)

20 de jun de 2011

Smoothie verde, grande, gordo e feio

Comprei uma proteína espectacular. Não é a mais barata de todas mas apanhei uma promoção porreira na Nutritienda. Chama-se Lean Dessert da BSN e mandei vir o sabor de banana e nozes. Não é nada enjoativo, a textura é qualquer coisa sensacional e fica espectacular nas barrinhas de proteínas (posto em breve a receita).

Hoje experimentei um smoothie só para ver como é que ficava de textura e A-DO-REI! Nada enjoativo (às vezes não consigo beber tudo), espesso como eu gosto e carregado de coisas boas.

Ingredientes:
  • 1,5 chávenas de água
  • 1 colher de sobremesa de sementes de chia
  • 2 mãos cheias de espinafres (ayeeeh!)
  • 1 scoop de Lean Dessert Protein Banana and Nuts da BSN
  • 5 pedras de gelo
  • 1 kiwi congelado
  • folhas de hortelã (abusei aqui...eu adoro o sabor!)
Procedimento:
  1. Deixar as sementes de chia de molho na água umas horas no frigorífico.
  2. Juntar tudo na Bimby ou liquidificadora e triturar, ar, ar, ar!
Que dizem? Adorei!

Link

8 de jun de 2011

SOS receitas rápidas: Wrap low carb com frango desfiado e molho de iogurte grego



Este foi mais um jantar à pressão. Cheguei do ginásio às tantas da noite com vontade de qualquer coisa não muito pesada e saiu isto!

Ingredientes:
  • 1 ovo pequeno
  • 1 clara
  • 1 colher de chá de sementes de linhaça trituradas
  • sobras de carne (usei frango desfiado)
  • meio iogurte grego 0%
  • meia colher de chá de caril
  • salsa picada
  • salada para acompanhar
  • spray de culinária (ou umas gotinhas de óleo ou azeite)
  • sal (usei um pouquinho de sal dos Himalaias e é nestas coisas simples que se nota a diferença)
Procedimento:
  1. Numa tigela, juntar o ovo, as claras e a linhaça triturada e bater com um garfo.
  2. Passar o spray por uma frigideira anti-aderente, aquecer e verter os ovos. Deixar cozinhar até dar para retirar sem se partir. Não é preciso virar para cozinhar do outro lado.
  3. Numa tigela juntar o iogurte, o caril, a salsa picada e a carne desfiada ou cortada os pedaços pequenos.
  4. Rechear o wrap e enrolar. Servir com uma salada colorida.

7 de jun de 2011

CatSmoothie com a textura melhorada: chocolate, frutos vermelhos e farinha de amendoim

Andei louca à procura da goma xantana e cheguei à conclusão que:
  • Há carradas de produtos que gostava de adquirir que não existem em Portugal (ok, já tinha chegado a esta conclusão)
  • Os poucos que existem custam os olhos da cara.
É verdade! Parece que há uma loja de pastelaria ali para os lados do Campo Pequeno que vende esse ingrediente como quem vende ouro em pó! E como não me compensa dar um balúrdio por um pozinho que vou usar às meias colherinhas uma vez por semana, improvisei. Comprei Agar Agar. Ainda não me debrucei bem sobre o assunto (ando mais debruçada na Neurologia e na Oftalmologia) mas é qualquer coisa derivada das algas e que serve como gelificante. Foi só ferver leite (uso leite de amêndoa que faço em casa) com um niquinho de agar agar previamente demolhada, arrefecer um pouco com uns cubos de gelo, meter no congelador meia hora e Bimbar um mega smoothie:
  • O leite de amêndoa com agar agar (a esta hora já deve estar assim espesso, meio floculado)
  • 1 scoop de proteína de chocolate
  • meia chávena de amoras e framboesas congeladas
  • Mais gelo se quiserem
Bimbam, bimbam, bimbam, mete-se numa chávena, cortam-se uns moranguinhos lá para dentro e polvilha-se com qualquer coisa bonita. Eu usei farinha de amendoim. Para a próxima conto como a fiz!


E já está: lanche proteico, vitaminado, saciante, fresco, agradável.

6 de jun de 2011

Compras mensais especiais



Achei bem fazer um post sobre as minhas compras "esquisitas". Eu demorei alguns meses até me aperceber dos melhores sítios onde comprar, dos preços, dos produtos com melhor qualidade e acho que poupo muito trabalho a quem quiser seguir algumas receitas (ou simplesmente ter um estilo de vida mais saudável) se explicar onde compro e o quê.

Não sei se já perceberam, mas eu sou o tipo de rapariga que ao olhar pouco critico aparenta estar sempre em dieta. Quando me vêm com essas conversas é provável que ouçam um "eu não faço essas coisas" bem redondo e meio chateado. Porque este é o meu estilo de vida há quase 10 anos. Esta "dieta". E já é tão natural para todos os que me rodeiam que já ninguém implica com isso. Catarina, a coelha, o pássaro, o grilo, e por aí.

Claro que isto tudo tem muita pesquisa por trás. Eu sou uma curiosa no que toca a nutrição e faço experiências comigo própria. Tenho vindo a aprimorar as minhas rotinas e só queria partilhar isso!

Ora vamos! Estas compras foram todas feitas no El Corte Inglês. É o único lugar onde encontro os iogurtes, a manteiga de amendoim PeterPan, aquele maple syrup e aquele óleo de côco. Apesar de ser mais caro nalgumas coisas, compensa noutras em termos de qualidade e pelo facto de conseguir comprar todas as compras esquisitas aqui e ficar descansada durante um mês.

  • Iogurte grego 0% da FAGE
Se não experimentaram iogurte grego, experimentem. É muito suave e tem um maior conteúdo proteico. Mas cuidado! A maior parte das marcas portuguesas têm muito açúcar. O único que não tem é o da marca branca do Continente, que é muito baratucho mas tem gordura a mais para o meu gosto. Por isso compro os da FAGE 0%, que ficam 1,29euros (caríssimos) mas é uma fonte proteica rápida e de meter a colher. Para a minha rotina é óptimo.

  • Claras de ovo pasteurizadas
Podem compra-las no El Corte Inglês, Makro ou Supermercado Sá no Campo Pequeno. Eu não passo sem elas. São também 1,30 euros, por aí, cada pacote. Compensa mais do que comprar ovos e desperdiçar a gema. Meto-as em panquecas, tortilhas, omeletes, barras de proteinas, muffins, tudo tudo tudo.

  • Manteiga de amendoim PeterPan
Esta não é natural (as naturais são mais caras) mas tem 91% de amendoim, o que quer dizer que só tem 9% de porcaria (açúcares e gorduras manhosas). É crocante, é um potezorro enorme e custa só 4 euros. É a melhor relação quantidade:qualidade:preço que encontrei em Lisboa.

  • Sal dos Himalaias
Este é sal integral (não refinado), com menos quantidade de cloreto de sódio e com muitos mais minerais do que o sal normal. Façam uma pesquisa no Google e confiram! No El Corte Inglês um potezinho daqueles custa 2 euros e pouco. Como é muito intenso, uso pouco e acaba por render muito (além de que eu quase já não uso sal).

  • Ricotta com baixa percentagem de gordura
Primeiro é ricotta, que é difícil encontrar em Portugal. E depois tem pouca gordura, o que ainda é mais difícil. Tem umas 100 kcal por cada 100g e é boa. Eu adoro ricotta! Só há no El Corte Inglês, que eu tenha dado por isso.

  • Óleo de Côco
Bem, sou louca por isto. Google it e vejam com os vossos próprios olhos. Na cozinha uso-o principalmente em bolos e doces e pratos de caril. Ou seja, tudo em que eu usaria manteiga e margarina (que são coisas que já não existem no meu frigorífico). Cada vez que abro o pote só em apetece besuntar-me toda com aquilo. A textura é macia, não demasiado gordurosa, com um cheiro suave...só experimentando. A cozinha fica com um aroma delicioso e o cheiro fica nas mãos.

  • Barras low carb Atkins
Bem, isto é um luxo. 1,60 euros cada barrinha de 35 gramas. Compro umas quantas só mesmo para as emergências, quando não tenho as minhas barras de proteínas e os meus bolos proteicos feitos por mim. Sim, porque eu preciso sempre de uma coisa portátil para comer a meio da manhã e da tarde. E estas têm uns 2g de net carbs e uma proteinazita (5g). Not bad. Desenrasca!

  • Maple Syrup
Foi a primeira vez que comprei. Eu uso mel nas panquecas ou como topping de muffins ou outra coisa qualquer. Mas esta é uma alternativa mais saudável. Parece bom! Vamos ver!

  • Agar agar
Foi a primeira vez que comprei. Vou usar como espessante nalgumas receitas.

  • Cogumelos secos
Adoro mas nunca tive coragem de estender 6 euros para um pacotinho daqueles. Estes foram uns 2 euros e tal e foi só por isso que os trouxe. Estudante tem de se conter. Há coisas piores!

  • Feijão preto enlatado e feijão branco seco
Bem, com estes vou fazer umas invenções. Não são esquisitos, mas depois comunico o que sair daqui!


E por hoje foi só. Espero que seja útil!