16 de mai de 2010

Nodles de vaca com ervilhas tortas

Neste fim-de-semana tentei render a minha mãe às maravilhas do wok...e acho que funcinou!!

Os reis da festa foram as ervilhas tortas da horta e um rosbife de vaca muito bom!

Rende: 3 porções
Preparação: 40 minutos

Ingredientes:
  • 2 bifes de vaca grandes
  • 2 placas de noodles de ovo
  • tomate seco
  • meio pimento verde
  • 1 courgette
  • meia beringela
  • 1 cebola
  • 3 dentes de alho
  • 1 cenoura
  • ervilhas tortas
  • óleo de amendoim
  • vinagre (umas 5 colheres de sopa)
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • 1 colher de sopa de farinha maizena
  • martini bianco (2 colheres de sopa)
  • pimenta e noz moscada moídas
  • sal
  • coentros picados
Procedimento:
  1. Cortar a carne às tiras finas e temperar com sal, pimenta, noz moscada, uma colher de sopa de vinagre, uma colher de sopa de farinha e duas colheres de sopa de Martini.
  2. Lavar e cortar os legumes: cenouras cortadas às meias rodelas fininhas e ervilhas tortas para um lado. Noutro recipiente colocar o pimento cortado às tirinhas finas, o courgette e a beringela aos cubos e o tomate seco aos pedaços. Cortar para outro recipiente a cebola em meias luas e ainda para outro o alho laminado fininho. (Como cozinhar no wok é muito rápido eu gosto de ter tudo já cortado e separado em recipientes. A separação faz-se pelo tempo de cozedura_ os mais rijos sempre primeiro.)
  3. Cozer os noodles consoante as instruções da embalagem, escorrer, adicionar um fio de óleo e mexer com um garfo para não colar. Reservar.
  4. Como as ervilhas tortas já eram um pouco rijas, resolvi dar uma fervura, à parte, às ervilhas e à cenoura. Depois, escorrer muito bem.
  5. Aquecer o wok no fogo alto e adicionar uma colher de sopa de óleo e metade do alho laminado. Passar a carne metade a metade (depois de escorrido o molho) e reservar.
  6. Juntar mais uma colher de óleo e adicionar a cebola e o restante alho. Acrescentar o restante vinagre e açúcar.
  7. Juntar as ervilhas tortas e a cenoura bem escorridas.
  8. Depois de bem passados, acrescentar o courgette, a beringela, o tomate seco e os pimentos.
  9. Deixar saltear, provar e ajustar os temperos se necessário. Salpicar com coentros e amendoins partidos em pedaços grandes.
  10. Agora é misturar: retirar metade dos vegetais para um parto, juntar metade da carne e metade da massa, dar umas voltas e aquecer um pouco. Misturar com dois garfos. Repetir para as metades que faltam.
E aqui está o resultado final! Até o meu irmão, que não é grande adepto de misturas, gostou. Disse que é um prato bonito! E quanto ao sabor, a mãe aprovou!

3 comentários:

  1. Olha, o meu comentário nesta não ficou, estou chateada, pois claro que fico chateada!
    estava eu a querer dizer, que agora é que vou começar a comer CARNE! com gosto!
    se todos os cozinheiros fossem como tu Catarina! (esta é a parte em que eu quase plagio o teu amigo Biri... mas só quase!
    :)
    tenho saudades
    (tuas evidentemente!)

    ResponderExcluir
  2. Carô, tens de vir comer uma carnunça aqui a casa. Disfarçada com estas verduras todas até é outra coisa!! =D

    saudadeca!! ;)

    beijoca

    ResponderExcluir
  3. adorei esta comidinha esta com aspecto 5 *

    ResponderExcluir