29 de abr de 2011

Stuff I make my boyfriend --> Pizza low carb

_ O que é que te apetece para o jantar de amanhã?
_ Pizza, picanha ou frango assado.
_ Hmmm, que bom! Tudo coisas que eu faço regularmente!

E numa de querer agradar, e já que não sou esquisita e como praticamente de tudo, só não simpatizo muito com pizzas e hamburgueres, caracóis, tâmaras, porco preto, cherne, anônas e tudo o que seja demasiado doce/salgado/gorduroso, fiz pizza! Não sou especialista em massas, como devem imaginar. A minha relação com os hidratos de carbono é muito especial. Mas estou a aprender a substituir...e começo a ficar pró nas versões low carb.

Hoje trago-vos uma receita de um blog que também gosto muito, entitulado Stuff I make my husband. Existe um post The great pizza experiment em que a autora faz várias experiências de bases de pizza low carb e comenta a textura, espessura da massa e as suas preferências.

Optei por fazer a hybrid pizza, com metade do queijo da receita e couve cozida a substituir o resto do queijo. Ficou boa mas a massa não é muito estaladiça. Próximas experiências virão e espero aprimorar esta fórmula!!

Rende: 2-3 porções
Tempo: 50 minutos de forno + 20 minutos de Bimby + 30 minutos de manobras
Informação nutricional (se der 3 porções): 300kcal, 12g HC, 25 g proteínas, 16 g gordura

Ingredientes para a massa:
  • 125 g queijo flamengo(usei fatias de Limiano)
  • 1/4 couve cozida (cerca de 200 g)
  • 2 colheres de sopa de côco ralado
  • 2 colheres de sopa de farinha de linhaça
  • 2 ovos
  • 1 colher de chá de fermento
Ingredientes para o recheio:
  • 1 peito de frango grelhado
  • 1 fatia de queijo flamengo
  • 1 cebola pequena
  • 1 lata pequena de cogumelos
  • 1/4 de pimento verde
  • molho de tomate caseiro (3 tomates + 1 cebola + 1 folha de louro + 2 dentes de alho + sal e piri-piri + mangericão. Tudo refogado e depois picado)
Procedimento:
  1. Reduzir a couve cozida (e muito bem escorrida da água) a puré.
  2. Picar o queijo numa picadora. Eu usei a Bimby, misturei tudo lá para dentro e programei a velocidade 7 até ficar tudo bem derretido e misturado.
  3. Se a mistura estiver muito líquida (se puserem a couve quente, que foi o meu caso, é o que vos vai acontecer), ponham o recipiente no congelador até a massa ficar com consistência suficiente.
  4. Num tabuleiro de forno com papel vegetal, verter a massa e espalhar, de forma a que fique com mais ou menos meio centímetro de altura.
  5. Vai ao forno 45 minutos até ficar castanhinha. Virem a meio para dourar de ambos os lados. Para virar usei mais uma folha de papel vegetal. Cuidado para não ficarem bocados de massa agarrados à folha.
  6. Passados os 45 minutos, é só rechear ao vosso gosto. Eu coloquei primeiro o molho de tomate, depois o frango aos pedaços, a cebola fatiada fininha, o pimento às tiras pequenas e os cogumelos bem escorridos. Cortei bocadinhos de queijo fininho e espalhei (não usei muito porque a massa já tem queijo que chegue).
  7. Vai ao forno uns 5-10 minutos na prateleira de cima, a 220ºC.
  8. Está pronta a devorar, com uma salada colorida!
Para a próxima talvez calhe picanha! hehe

28 de abr de 2011

Tarteletes frias de mousse de chocolate e côco


Esta é mais uma receita da Dani Tâmega, do seu blog Fit Recipes. É baixa em hidratos de carbono, tem uma bela dose de gordura saudável e tem uma consistência muito boa, uma mousse muito suave e nada enjoativa. Optei por pôr menos mel que na receita original e ficou pouco doce, que é como gosto mais. Mas se quiserem, adicionem ao vosso gosto!

O óleo de côco foi o factor limitante desta receita. Consegui encontrar frasquinhos de 200g no Celeiro (à venda por 5 euros e tal) mas acho que economizo mais (e fico melhor servida) se mandar vir da net. Os benefícios do óleo de côco são inúmeros, tanto a nível de alimentação como de hidratação da pele! É um bom investimento! Sem falar que confere um sabor a côco muito suave à comida! E fiquei com a cozinha com um aromazinho bom!

A manteiga de amêndoa fi-la em casa também! É facílimo! Pegam nas amêndoas (peladas ou não, tostadas ou não. Eu usei amêndoas biológicas com pele e tostadas), põem na liquidificadora, picam picam picam, usem uma espátula para baixar as amêndoas que ficam nos bordos. Se quiserem juntem um pouco de óleo alimentar (eu usei óleo de linhaça) e voltem a bater novamente. Depois de muito picar, fica com uma consistência semelhante à manteiga de amendoim.

Rende: 6 porções
Tempo: 20 minutos de preparação + uma noite de frigorífico
Informação nutricional: 200 kcal, 8g HC, 4g proteínas, 18 g gordura

Ingredientes para a base:
  • 1 copo pequeno cheio de frutos secos (usei avelãs, nozes e amêndoas)
  • 1 copo pequeno cheio de passas (usei bagas goji)
  • 2 colheres de sopa de óleo de côco
  • 1 colher de chá de essência de baunilha (usei uma pitadinha de vanilina)
  • 1 pitada de canela
  • 1 pitada de sal
Ingredientes para o recheio:
  • 1 abacate
  • 1 copo pequeno mal cheio de manteiga de amêndoa
  • 1 copo mal cheio de água
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 1 pitada de canela
  • meio copo pequeno de mel
  • 3 colheres de sopa de óleo de côco
  • 4 colheres de sopa de cacau magro em pó
Procedimento:
  1. Numa liquidificadora juntar os ingredientes da base e triturar, deixando pedaços pequenos para que fique crocante.
  2. Cobrir o fundo das forminhas (usei um tabuleiro de silicone que não é preciso untar) com esta massa.
  3. Derreter o óleo de côco restante no microondas (menos de meio minuto chega) e aquecer o mel no microondas também (pouco menos de meio minuto).
  4. Reduzir o abacate a puré na liquidificadora. Numa tigela, juntar o puré de abacate com a manteiga de amêndoa e misturar. Adicionar o óleo de côco deretido, o mel aquecido, o cacau, canela, essência de baunilha até ficar homogéneo. Adicionar a água e envolver bem.
  5. Verter a mistura sobre a base das forminhas.
  6. Decorei com côco ralado e frutos secos.
  7. Vai ao frigorífico umas 10 horas, até a consistência ficar mais firme!
São deliciosas!! A consistência é muito suave!
Link

27 de abr de 2011

CatSmoothie de frutos vermelhos e chocolate



Parece que descobri a pólvora! Descobri não...copiei a receita da pólvora! Tornei-me uma leitora obsessiva-compulsiva deste blog. Esta rapariga além de receitas saudáveis e diferentes, tem umas fotos de babar e umas dicas de treino muito porreiras.

Este é um dos smoothies que ela faz muitas vezes. Improvisei uma receita dela. Falta-me a
goma xantana que não encontro em lado nenhum e deve dar uma consistência espectacular ao smoothie, mas vamos com calma...

E eis que hoje fui às compras (ter um Celeiro à porta de casa é uma tentação) e investi numas coisinhas novas. Nesta receita usei
Maca (uma raíz que tem estas propriedades) e sementes de chia (com estas propriedades). Ler o blog da Joana também ajudou a tomar esta iniciativa! Vamos ver se a longa prazo noto algum benefício!

Rende: 1 porção
Tempo: 5 minutos
Informação nutricional
: 250 kcal, 25 g HC, 30 g proteínas, 6 g gordura


Ingredientes:
  • 1 chávena de frutos vermelhos congelados
  • 1 chávena de leite de amêndoa
  • 1 colher de chá de sementes de chia
  • 1/3 de colher de chá de maca
  • 1 colher de chá de cacau magro em pó
  • 1 scoop de proteína de chocolate
Procedimento:
  • Bater tudo na liquidificadora durante uns 4 minutos, até ficar assim fluffy!
Podem bebê-lo mas eu...meti-lhe a colher!! muhahaha


25 de abr de 2011

SOS receitas rápidas: salmão grelhado com legumes chau chau



Claro que legumes chau chau é um nome inventado! A ideia surgiu porque os filetes de salmão eram tão pequenos que o melhor foi mesmo juntar uns ovos para compor a coisa. E calhou bem! Foi também a primeira vez que fiz legumes salteados de compra. Estava com medo que soubessem a frigorífico (ou congelador, neste caso), ou pior, que não soubessem a grande coisa, como é habitual nos legumes congelados. Mas estes até não são maus!

Rende: 2 porções
Tempo: 20 minutos

Ingredientes:
  • 2 filetes de salmão congelados
  • 1 saco de legumes para saltear do Continente
  • 3 colheres de chá de azeite
  • pitada de sal, pimenta branca, gengibre em pó e coentros em pó
  • salsa picada
  • 2 ovos
  • sumo de meio limão
Preparação:
  1. Deixar o salmão a descongelar. Depois de descongelado, temperar com sumo de limão, gengibre em pó, pimenta e sal. Deixar a marinar no frigorífico umas horas.
  2. Aquecer uma chapa e adicionar 1 colher de chá de azeite. Bater os ovos e adicionar, quando o azeite estiver quente. Mexer até ficarem soltos, sem deixar secar. Reservar.
  3. Num wok, aquecer 2 colheres de chá de azeite. Juntar a mistura de legumes para saltear. Adicionar os ovos mexidos e temperar com sal, pimenta, coentros em pó. Deixar cozinhar bem (7 minutos, conforme a informação da embalagem), juntar a salsa picada, envolver e reservar.
  4. Escorrer o salmão da marinada e grelhar.
Acompanhei com uma salada de alface e fiz também uns douradinhos de legumes na Actifry, só mesmo numa de limpar o congelador.

Claro que é uma receita pobre e a 1000 à hora, mas não tenho tido alternativa! Segue-se uma semana disto!